Custo de vida – Brasil x Canadá

O custo de vida é uma das grandes preocupações de quem pensa em ser um imigrante em um novo país, afinal é preciso equilibrar os ganhos com os gastos necessários para se viver bem e assim ter qualidade de vida em sua nova casa.

Aqui em nosso blog já abordamos o assunto custo de vida, porém voltado à província de Québec, mostrando como a mesma pode ser uma excelente opção para quem que deseja morar no Canadá, apresentando custos mais baixos que em outras regiões canadenses.

Embora Québec se destaque nesse quesito quando pensamos nas principais províncias canadenses, a grande realidade é que, em todo seu território, as condições de custo de vida no Canadá se mostram vantajosas na comparação ao cenário brasileiro.

Custo de vida no Canadá comparado ao Brasil

Antes de continuar vale relembrar que podemos definir custo de vida como a soma de todos os valores gastos em bens e serviços por uma pessoa ou família para viver, incluindo: alimentação, vestimenta, moradia, serviços médicas, entretenimento, locomoção e tudo aquilo presente em nossas vidas.

Ao optar por morar no Canadá muitos brasileiros são motivados pela busca de melhores condições, qualidade de vida e oportunidades, que comprovadamente o país oferece, somados ainda a ideia de que o país recebe bem os imigrantes, o que também é verdade.

No entanto, como não poderia deixar de ser, é comum entre os candidatos a imigração as dúvidas sobre o custo de vida, deixando no ar a pergunta se é mais caro viver no Brasil ou no Canadá.

Mesmo antes da crise econômica que se abateu sobre o Brasil e provocou à volta de índices inflacionários, o custo de vida no Canadá, de maneira geral, era menor, ainda mais quando consideramos que a média salarial canadense é maior que a brasileira.

Para ficar mais claro elencamos 3 fatores para compararmos: alimentação, habitação que costumam ser itens fundamentais para a sobrevivência.

Alimentação:

O custo de comer refeições fora de casa no Brasil atingiu valor médio em abril de 2016, segundo pesquisa do Instituto Datafolha, o valor de R$ 30,48, o que representou um aumento significativo aos dados colhidos no ano anterior.

No Canadá mesmo em regiões centrais e próximas a locais com alta concentração de postos de trabalho, é plenamente possível realizar refeições gastando C$ 10,00, o que mesmo realizando a conversão das moedas é menor que a média brasileira.

Habitação:

Se hoje o cenário brasileiro é de crise, durante a primeira década desse século o país experimentou bons índices econômicos o que levou ao setor imobiliário e da construção civil experimentarem um crescimento expressivo.

Com um forte incentivo ao crédito, demanda e ofertas passaram a caminhar juntas, o que ao invés de trazer o equilíbrio dos valores, levou a uma forte alta nos preços de imóveis, sendo que hoje na cidade São Paulo, por exemplo, é comum observamos lançamentos imobiliários acima da casa de R$ 1.000.000,00.

Embora seja complicado realizar uma comparação efetiva de valores nesse sentindo, uma vez que situação muda de cidade a cidade e ainda de bairro para bairro, talvez o melhor dado para esse fim seja referente ao custo do crédito imobiliário.

No Brasil as taxas de juros anuais para financiamento imobiliário Caixa Economica Federal, estão entre as casa de 10% a 12,5%, variando conforme valor do imóvel e relacionamento com banco. Já no Canadá os juros não passam de 3% ao ano.

Para aqueles que nutrem o desejo em morar no Canadá então, podem incluir na lista de motivações que o levam a imigrar a busca, também, por um custo de vida inferior ao encontrado nas cidades brasileiras, e isso com uma melhor qualidade de vida!

Ficou com dúvidas ou possui sugestões? Deixe um comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *